Mensagem do Gestor

São Paulo, 09 de agosto de  2018.

 

Mensagem do Gestor

 

 

Como pode ser visto pelos nossos cotistas o Fundo Pava FIA está já há algum tempo fortemente investido em ações de emissão da Rumo S/A.

Nesta mensagem gostaria de explicitar os motivos que me faz ser tão otimista quanto ao futuro desta empresa.

A Rumo é uma concessionária de estradas de ferro com 12 mil quilômetros de linhas, sendo que a principal delas liga Rondonópolis (MT) ao porto de Santos (SP) com um percurso de 1,6 mil Km.

Portanto, trata-se de uma empresa que atua em logística e está investindo fortemente na modernização de maquinário, pátios e leitos ferroviários para competir com outros meios de transporte e assim possibilitar um retorno muito alto aos seus acionistas.

O Brasil é seguramente um dos principais produtores mundiais de alimentos, nossa importância é significativa para manter o mundo alimentado, portanto um sistema eficiente de transporte de grãos é vital para baixar os custos de produção dos alimentos.

Assim sendo, a Rumo é uma empresa irreplicável, ou seja, quase um monopólio pois ninguém irá construir outra ferrovia na sua área de influência.

Outro aspecto importante é que a Rumo transporta parte da produção de grãos de sua área de influência, portanto quando houver quebras de safras o grande perdedor será o transporte viário ou seja o transportador através de caminhões e não a ferrovia que é sempre mais competitiva em termos de preços aos produtores.

A fase de grandes investimentos terminará em 2020, portanto, o risco de execução agora é menor. Após a finalização destes investimentos a companhia passará a ter um fluxo de caixa muito alto e assim prevejo que bons dividendos serão pagos aos acionistas.

Finalizando, estamos investidos em uma ação de uma empresa resiliente à crises em geral, geradora de caixa e com mercado cativo em sua área de atuação. Estas são as características das empresas mais bem precificadas em nosso mercado acionário.

 

Atenciosamente,

 

O Gestor

 

Os comentários estão desativados.